Inspirações

Graças a esta equipa, os animais selvagens vão agora poder atravessar as auto-estradas em segurança.

Fotografia de Montana Department of Transportation

Fotografia de Montana Department of Transportation

Não é novidade que o ser humano tem um impacto incomensurável nos habitats naturais de variadíssimas espécies de animais. Desde as primeiras civilizações, que os animais têm “cedido” o seu espaço ao Homem, para que ele possa construir, expandir e desenvolver o seu território.

Com a construção de estradas, e principalmente auto-estradas, a destruição dos habitats têm não só aumentado como também se tem tornado mais perigosa, tanto para os animais como os humanos. Os atropelamentos e demais incidentes que acontecem muitas vezes nessas estradas levam frequentemente à morte, quer dos animais quer também das pessoas envolvidas.

Quando uma proposta para alargar a Auto-estrada 93 no Montana – estrada essa que cruzava a Reserva Indiana de Flathead – foi apresentada, uma equipa de engenheiros da Universidade de Montana, no Canadá, começou a trabalhar no sentido de diminuir o impacto destas estradas na vida animal.

Para isso, têm criado pontes e passagens subterrâneas, para que os animais possam passar para o outro lado das vias de trânsito, sem com isso correrem risco de vida.

Fotografia de Montana Department of Transportation

Fotografia de Montana Department of Transportation

“Os 90km da auto-estrada 93 têm agora 41 passagens aéreas e subterrâneas para peixes e outras formas de vida selvagem, bem como outras medidas protectoras para evitar fatalidades.”

Só neste segmento de estrada que cruza a reserva, 4 ursos pardos foram mortos por automóveis, nos últimos 10 anos. Actualmente, tem-se registado um aumento do número de animais que utilizam as passagens – que ronda já as dezenas de milhar – já que com o tempo se começam a habituar às mesmas.

Além de grande impacto na segurança dos animais selvagens, os engenheiros dizem ainda que esta inovação terá também vantagens em termos económicos, já que é muito mais barato construir estas vias do que pagar pelas reparações e limpeza causadas pelas colisões com os animais.

Fotografia de capa de Skeeze